segunda-feira, 16 de julho de 2012

Quando chega a hora







Quando chega a hora e a vontade falta
fica tudo frio e vazio

Quando chega a hora de partir e o coração quer ficar
fica tudo tão incerto e nublado

Quando chega a hora de amar e a amamos sozinhos
fica tudo feio e cheio de saudade

Quando chega a hora de andar e estamos sem chão
fica tudo girando e a queda acontece

Quando chega a hora de tentar e o começo é longe
fica tudo meio complicado

Quando chega a hora de parar de insistir e já é tarde
fica tudo sem cor sem você

Quando chega a hora de chamar e gritamos
fica tudo suspenso e em silêncio

Eu te grito em silêncio e você não responde...

Nenhum comentário:

Postar um comentário